terça-feira, 4 de julho de 2017

PAPO NO TUCUPI Com o escritor e jornalista paraense EDYR AUGUSTO PROENÇA

Um comentário:

  1. Ser bom é ser bom.É respeitar a si mesmo e o próximo. Sem interdependência ou relatividade .Não ser bom para parecer bom, e sim porque a natureza humana é boa. O Edyr reflete muito bem essa luz . Uma luz de serenidade . A bondade nos ajudar a enxergar melhor o que nos cerca. O Edyr além de excelente escritor ,traz consigo essa serenidade ,uma benevolência de alma.zzz

    ResponderExcluir